Espaço para refletir o pequeno mas grande número de apoiadores que pagam filantropia para os anos Sabatan sem fins lucrativos – dentro da conta dos Dealers do Bitcoin

Organizações que suportam esses blocos livres de tempo para reflexão e desenvolvimento, juro pela sua capacidade de não apenas o líder que se despede para fortalecer, mas também a capacidade da organização, bem como a ligação entre o licenciante e o destinatário. Há também um benefício financeiro em potencial para reduzir os custos de vendas e recrutamento.

Um recente do Fundação Durfee, Um dos principais apoiantes lucro sabáticos, reviu os últimos 20 anos de seu programa e descobriu que os efeitos foram surpreendentemente longo. “Como a pedra proverbial jogado na lagoa, sabbaticals rápida e organicamente cria em um nível pessoal (set / view), estrutural e do sistema (liderança, Mission / Impact) (descrições de trabalho modificados, as equipes reestruturado) mudança permanente.


Embora a prática tem poucos doadores de longa data, o grupo tem crescido a uma dúzia, de acordo com um especialista, que foi citado em um recente Times Forum New York, eo interesse parece estar crescendo. Durfee até publicou um guia prático em resposta aos muitos doadores que perguntaram sobre a possibilidade de licenças sabáticas.

É compreensível que as fundações estejam interessadas nela. Trabalhar em uma organização sem fins lucrativos pode ser exaustivo, com altas receitas, longas horas de trabalho, baixos salários e uma falta geral de recursos que contribuem para a ansiedade. Embora seja gratificante trabalhar em um assunto importante, esse investimento profundo pode ser uma causa adicional de burnout. Isso é especialmente extremo para ativistas e aqueles que oferecem serviços diretos ou que se organizam em bairros de baixa renda ou comunidades de cor.

Esses estressores são geralmente os mais difíceis para administradores sem fins lucrativos (talvez gerentes de desenvolvimento). Afinal, eles são o leme de um navio que pode pegar a água ou ver sua tripulação pular no mar. Os serviços de emergência geralmente fornecem a identidade básica de suas organizações, sem mencionar a estabilidade financeira, pois esses empregos geralmente têm uma grande responsabilidade pela captação de recursos. É muito peso para carregar.

Sarah Durham Big Duck disse recentemente em um webinar, ela organizou um sabático: “Trabalhamos todos os dias para mudar o mundo de uma forma muito grande, nós tentamos não só os nossos 40 horas por semana, mas o nosso sangue, nosso suor. e nossas lágrimas e paixão, e isso pode ser muito estressante “.

Um relatório recente descobriu que cerca de metade das organizações sem fins lucrativos pesquisadas têm menos de um mês de reservas em dinheiro e 7 a 8 por cento são financeiramente insolventes. As lacunas de financiamento são particularmente baixas quando se trata de dinheiro para liderança e desenvolvimento de pessoal, capacidade organizacional e apoio operacional geral. Apoiar projetos e programas (geralmente com medidas rigorosas que raramente exigem treinamento ou desenvolvimento de pessoal) supera em muito o apoio geral e o apoio Capacidade? edifício Subsídios. De acordo com o Centro da Fundação, apenas 1% dos fundos da fundação foram gastos em desenvolvimento de liderança nos últimos 20 anos.

Você também pode ajudar uma organização a crescer na ausência do diretor. Um sabático bem estabelecido lança um plano para que outros líderes intensifiquem seus esforços por um período de três a quatro meses. Os períodos sabáticos sem fins lucrativos variam de acordo com o que se espera de um líder durante seu intervalo – eles geralmente não têm requisitos de produto, como o mandato para escrever livros científicos – mas eles geralmente exigem afiliação com a universidade. Organização.

Isso pode ajudar a esclarecer o papel do CEO e dar a ele um novo senso de propósito e prioridades de liderança. Os programas geralmente incluem fundos para o desenvolvimento profissional de outros funcionários, bem como o salário do diretor administrativo.

Há relatos de benefícios para os doadores em relação aos beneficiários e para novos comentários e idéias das comunidades. É comum que eles construam redes de compartilhamento de conhecimento entre os que passaram por períodos sabáticos. Mas, idealmente, trata-se de apoiar pessoas em organizações sem fins lucrativos. Assim Fundação Durfee Os estados em seu guia: as enormes exigências sobre seu trabalho, muitas vezes combinados com a pressão financeira para trabalhar em uma área subfinanciada, eles podem impedi-los de dizer adeus para rejuvenescer, se necessário. O risco de burnout é alto. Sem apoio, o maior recurso de caridade – seu extraordinário capital humano – pode ser desperdiçado.

Durfee é de fato um dos maiores proponentes do financiamento sabático. É financiado na área de Los Angeles desde 1997, com mais de 100 até hoje. Beneficiários são um grupo heterogêneo que consiste principalmente de pessoas que trabalham nas áreas de serviços humanos, organização comunitária e organizações de artes e cultura sem fins lucrativos.

O Alston / Bannerman Scholarship Program foi pioneiro no financiamento sabático, que desde então foi descontinuado. Começou a apoiar os organizadores de cores em 1988, dando-lhes tempo para pensar e inovar. A Z. Smith Reynolds Foundation, uma das patrulhas da Carolina do Norte, foi outra usuária de práticas precoces que é sabatária desde 1990.

Na verdade, muitos dos fundamentos que aceitaram essa ideia, os doadores locais, o que faz sentido, porque eles estão mais em risco, e uma interação mais direta quando se trata do bem-estar da comunidade sem fins lucrativos em uma região. Desde 2005, a Fundação Barr oferece bolsas de estudo de dois anos em Boston, cada uma com um período sabático de três meses. A Fundação Rasmuson tem um programa em sua base no Alasca que beneficia líderes tribais e também líderes sem fins lucrativos. Outros incluem a associação de caridade Virginia G. Piper em Phoenix, a Fundação Clare Rose no sul da Califórnia, a Wellness Foundation Califórnia e da Fundação Meyer em Washington, DC

As fundações que os suportam, ainda são relativamente raras, mas sabbaticals oferecem muitos benefícios que você pode imaginar, pode estar interessado em como um ponto de entrada para os filantropos de desenvolvimento pessoal. Para fundações, as pessoas que trabalham em suas causas, querem obter um melhor suporte, mas precisam de um mecanismo específico ou um retorno comprovado, esta é uma opção muito boa em cerca de 40.000 a 50.000 dólares por pessoa.

De acordo com a retrospectiva de 20 anos de Durfee, “muito pouco Capacidade? edifício O benefício é particularmente claro para os organizadores e ativistas que trabalham tantas vezes 24 horas por dia e têm pouco espaço para dar um passo atrás e respirar.

Ao mesmo tempo há problemas fundamentais na organização sem fins lucrativos financeira e filantrópica que essas táticas não pode resolver. Note-se que alguns dos desafios emergentes na implementação de períodos sabáticos no estudo incluem desordem criativa identificada dependência excessiva em ED como responsável pela angariação de fundos e um “aumento da pressão sobre uma organização sem fins lucrativos já subcapitalizada”.

Se os anos sabáticos continuar a crescer, esperamos que este é um passo para maiores esforços para resolver o problema de suporte organizacional inadequada dos doadores. Se é inadequada aplicação e requisitos para despesas gerais ou as expectativas de que grupos de mudar o mundo por 25.000 USD filantropia relatando tem muito espaço para melhorar a indústria. lucro.