Por que sua urina é espumante md-health.com Bitcoin click

resíduos metabólicos são excretados através dos rins na urina. A urina contém resíduos que foi filtrada pelos rins a partir do sangue, e a solução resultante é um líquido de palha pálido, amarelo ou âmbar que sai a partir do corpo através da uretra. A urina contém água, ácido úrico, ureia, sais inorgânicos, pigmentos de amoníaco e de sangue que tenham sido degradados. Sintomas e sinais de Urina espumosa

Normalmente, a urina não aparece espumosa. No entanto, às vezes a espuma se desenvolve dependendo da velocidade da micção. Às vezes também pode ser um sinal de desidratação, e urina espumosa indica que ele está concentrado. Se você existe, no entanto urina espumosa muitas vezes pode ser uma indicação de uma doença subjacente ou doença que requer avaliação médica.


A urina espumosa pode ser turva ou nublada. Algumas pessoas têm sangue ou pus na urina. Se houver uma infecção, a micção pode ser dolorosa. Nas mulheres que têm uma infecção vaginal, o corrimento vaginal pode aparecer na urina, tornando a aparência opaca e espumosa. Causas e tratamentos Espuma de urina 1. Urinar rapidamente / desidratar

A micção rápida pode levar à formação de espuma na urina. Algumas pessoas relatam que foram ao banheiro e coletaram uma grande quantidade de urina na bexiga. Isto leva à micção forçada e leva a um rápido esvaziamento da bexiga. O fluxo de urina seguinte atinge o vaso sanitário rapidamente e causa a formação de espuma. Em outros casos, a ingestão de pouca água ou líquido causa desidratação, o que faz com que os rins produzam urina concentrada. Isso também causa a produção de urina espumosa.

Quando a espuma na urina é causada pela secagem rápida ou micção, você não precisa se preocupar. Você deve simplesmente tentar esvaziar a bexiga regularmente para evitar a micção forçada e rápida. Recomenda-se também manter uma hidratação adequada, bebendo bastante água todos os dias para evitar urina concentrada e espumosa. No entanto, se você perceber que sua urina está com frequência espumosa, apesar de melhorar seus hábitos, deve consultar um médico para diagnóstico e tratamento adequados. 2. Proteína na urina

A presença de uma quantidade significativa de proteína na urina é um fator comum que causa urina espumosa. Pequenas quantidades de proteína podem naturalmente ser expelidas na urina. No entanto, se a proteína é excretada em grandes quantidades, a condição anormal é conhecida como proteinúria.

Urina espumosa é característico de uma quantidade excessiva de proteína na urina. A proteinúria pode ser detectada durante um teste de urina. Nestes casos, os especialistas recomendam reduzir o consumo de suplementos protéicos ou quantidades excessivas de alimentos ricos em proteínas. Para um diagnóstico e tratamento corretos, recomenda-se uma consulta médica. 3. infecção

Uma infecção do trato urinário causada por bactérias ou fungos pode levar a urina espumosa. Isso geralmente é acompanhado por dor ardente durante a micção, que é característica de uma infecção do trato urinário ou urinário. Os microrganismos que causam a infecção produzem espuma na urina.

Em algumas pessoas pode desenvolver uma fístula, ou uma conexão artificial entre a bexiga e cólon (intestino grosso), chamado vesikokolische fístula. A bexiga é inchado e fluido acumula-se sob a pele. A espuma é formada, e durante a micção, a urina é espumoso. Devido à ligação ao intestino grosso, a urina pode ter um odor desagradável e excrementos contido. Esta não é uma condição normal e pode ser um sinal de outra doença subjacente, como a doença de Crohn ou um tumor. O aconselhamento médico deve ser procurado contra esta condição. 5. esperma na urina

Após a relação sexual esperma pode permanecer na uretra que pode ocorrer na urina. No entanto, pequenas quantidades de esperma geralmente causar nenhuma espuma na urina. Outra condição chamada ejaculação retrógrada pode causar grandes quantidades de sémen de volta para dentro da bexiga quando o esfíncter (um músculo que impede o escoamento retrógrado) não está a funcionar correctamente. Este é normalmente associada com urina espumosa e conselho médico é recomendado. 6. Doença renal

As pessoas com doença renal, como uma complicação de diabetes ou de pedras nos rins também pode ter urina espuma. Para diagnosticar a doença renal, uma análise de urina simples pode ser realizada, seguido por outros testes relevantes, tais como o teste de tira de teste e outras análises de sangue. Uma recolha de urina de 24 horas podem ser necessários para uma avaliação mais precisa da função renal.