Por que você tem uma erupção depois de beber álcool? Med-health.net como usar a carteira Bitcoin

Algumas pessoas notam que a pele fica vermelha quando bebe álcool. Isso pode ser embaraçoso, especialmente se você estiver em público quando isso acontecer. Se você beber álcool, os capilares do rosto podem se expandir e aumentar o fluxo sanguíneo para essas áreas. Em alguns casos, esta reação é bastante leve e quase imperceptível, mas em alguns casos erupção pode ser muito grave, comichão, lesões cutâneas ou inflamação grave.

Enxaguar com álcool pode causar vermelhidão da pele e, ocasionalmente, coceira ou desconforto. Isso é causado quando o corpo não tem a enzima necessária para quebrar o álcool, de modo que ele possa ser movido pelo corpo.


Nesse caso, o acetaldeído, um derivado do álcool, fará com que o corpo seja expelido, causando um efeito conhecido erupção. Quando a erupção ocorre, pode aparecer na pele, muitas vezes no rosto, peito, costas ou pescoço. Essas áreas também podem estar quentes ou com coceira quando isso ocorre.

A gravidade do esta erupção e com que frequência parece variar de pessoa para pessoa? Esta erupção ganhou o apelido de “Asian Hunt”, porque muitos ancestrais asiáticos tendem a sofrer esta erupção particularmente mal. Em alguns casos, esta erupção é agravada com o consumo prolongado de álcool. Isso ocorre porque o consumo de grandes quantidades de álcool durante longos períodos de tempo pode causar danos aos vasos em todo o corpo, causando o aparecimento de erupção spread.

Alguns que experimentam erupção alcoólica, escolha uma cirurgia a laser para obter os sinais de esta erupção sua pele. Você também pode evitar esta erupção Evite álcool. Você pode descobrir que algumas bebidas alcoólicas aumentam a probabilidade de que essa erupção ocorra, para que você possa evitar a redução dos sintomas. Você também deve ter em mente quais bebidas tendem a causar inchaço, comichão ou outras reações mais sérias, para que você possa evitar os riscos potenciais associados a essa condição.

Aqueles que sofrem de intolerância ao álcool desenvolvem congestão facial ou congestão nasal semelhante a um padrão reação alérgica. Essa reação é mais comum em pessoas de ascendência asiática, pois essas pessoas muitas vezes nascem sem as enzimas necessárias para degradar adequadamente as toxinas do álcool. A intolerância ao álcool é frequentemente considerada genética, especialmente se alguém desenvolver histamina a partir de ingredientes usados ​​no processo de fermentação. Essas pessoas podem desenvolver náuseas, batimentos cardíacos ou vômitos, além dos sintomas padrão dessas condições.

Aqueles que sofrem de uma reação alérgica a uma bebida alcoólica podem realmente sofrer de uma alergia a um dos ingredientes da bebida. Aqueles com alergia a cevada, lúpulo, uva, centeio ou alguns conservantes podem apresentar sintomas negativos ao consumir bebidas alcoólicas com esses alimentos. Muitas misturas, como sucos ou água tônica, que estão contidas em bebidas alcoólicas, também podem reação alérgica. Reduzir o que causa essa reação pode ajudá-lo a evitar bebidas que podem causar desconforto ou sintomas perigosos.